Domingo, 09 de dezembro de 2018
Pesquisa:

26/03/2013 - ExpoPrint Digital 2013 / FESPA Brasil é sucesso de público e resultados

A FESPA Brasil / ExpoPrint Digital 2013 terminou no último dia 16 de março, após quatro dias apresentando lançamentos do mercado e os principais produtos das grandes empresas dos setores de comunicação visual e impressão digital no Pavilhão Azul do Expo Center Norte, em São Paulo.

Os números surpreenderam organizadores e expositores, reforçando a consolidação das marcas no mercado. Foram 13184 visitantes únicos, número muito acima do que todos esperavam. Mais do que isso: além da quantidade, o público se destacou pela qualidade, com empresários decisores tomando os sempre lotados corredores das feiras, segundo depoimentos dos próprios expositores.

Os visitantes tiveram a oportunidade de visitar 112 estandes e 231 marcas na FESPA Brasil / ExpoPrint Digital. O volume de negociações surpreendeu. A estimativa de negócios gerados durante a feira chega a R$ 120 milhões, segundo depoimentos de 88% dos expositores. Ainda segundo estimativas, os negócios que devem ser gerados seis meses após a feira chegam na casa de R$ 170 milhões.

Marca FESPA se estabelece no Brasil com sucesso da primeira edição

A consolidação da marca FESPA no Brasil ficou evidente nas palavras dos expositores. Eles ficaram impressionados com a quantidade e qualidade do público presente nos quatro dias de evento no Expo Center Norte. Com os resultados, a meta não pode ser outra: promover um evento ainda mais grandioso em março de 2015, na já confirmada segunda edição da FESPA Brasil.

Neil Felton, diretor de feiras da FESPA internacional, ficou plenamente satisfeito com o resultado observado no Brasil: "A FESPA Brasil está sendo um dos mais impressionantes lançamentos que a FESPA já realizou. Estou muito animado com o futuro da FESPA Brasil". Neil frisou a relevância da FESPA para o mercado. "Um dos principais pontos da FESPA é ter certeza que estamos educando o mercado. Em 2014 traremos um evento para o Brasil para profissionalizar os impressores. Também realizaremos um Road Show percorrendo o Brasil para mostrar o nosso engajamento com o mercado. A FESPA é uma organização sem fins lucrativos e, como tal, nós reinvestimos no mercado uma parte dos lucros obtidos e é por isso que a FESPA Brasil é um projeto interessante e muito importante para toda a indústria".

A Xaar, parceira global da FESPA, promoveu o Seminário "Novas Oportunidades no Negócio de Impressão Digital", considerado um sucesso. Para Edsel Lonza, gerente de vendas da Xaar, "o seminário foi muito eficiente, com cerca de 100 presentes, um alto nível de perguntas e discussão. Foi possível desmistificar vários conceitos e levar educação, tecnologia e conhecimento a um mercado que cresce muito".

A Fujifilm, além de patrocinar o Application Village da FESPA Brasil, esteve com um grande estande apresentando seus equipamentos. "Para nós, a FESPA foi extremamente profissional, com nível de visitação bastante alto, clientes realmente interessados, profissionais do ramo de verdade. Conseguimos otimizar as demonstrações, além das reuniões e discussões. Com certeza estaremos na próxima edição", frisou Walter Tolosa, gerente de vendas da Fujifilm.

O austríaco Reinhard Kulterer, da Trotec, que esteve com a Solugrav, sua distribuidora no Brasil, firmou mais uma parceria promissora com a FESPA: "Estamos muito contentes que a FESPA chegou ao Brasil. Já somos clientes da FESPA na Alemanha e no México. Agora, pela primeira vez no Brasil, a FESPA foi um grande sucesso para nós. Tivemos boa resposta do público das inovações tecnológicas que estamos trazendo ao Brasil, como a Speedy 400".

Evelin Wanke, especialista de produtos Epson para a linha de Grandes Formatos, ressaltou o bom momento da chegada da feira: "A Fespa Brasil foi um marco importante para a Epson, pois coincidiu com o nosso maior lançamento do ano de 2013. Trouxemos para o mercado as impressoras para impressão em tecidos através do processo de sublimação digital. O público que visitou o evento estava bastante focado, o que trouxe grandes resultados para a empresa. A primeira edição da FESPA chegou ao Brasil no momento certo e nos mostrou que veio para elevar o nível de conhecimento nos mercados de Grandes Formatos."

A LSK, que começa a participar de feiras nessa área, celebrou os resultados da FESPA Brasil. Fernanda Moré, consultora de negócios da LSK, analisa: "O balanço geral foi muito positivo. Superou as expectativas em todos os aspectos. Esta é a primeira feira voltada ao digital que participamos". A Alpha Resiqualy, distribuidor Color-dec no Brasil, fez um balanço da feira: "Foi um bom trabalho no primeiro ano e vai ter uma tendência de crescimento. Espero que se concretize e estejamos juntos no próximo ano", declarou Edilberto Leal.

Para Markus Runk, da área de marketing da Sign Supply: "A avaliação da FESPA Brasil é bastante positiva, conseguimos fechar alguns negócios e vimos nos primeiros dias um fluxo muito grande de pessoas". Na Danfex, o pensamentos foi o mesmo: "Foi ótimo, pois a FESPA Brasil nos proporcionou bons negócios devido ao público qualificado que prestigiou o evento", analisa Juliana Almeida, da área de marketing.

FESPA Brasil é marcada pelos diferenciais

A FESPA Brasil 2013 contou ainda com uma série de eventos paralelos durante sua realização, como o bem sucedido Congresso Internacional de Comunicação Visual e Impressão Digital. Durante quatro dias, uma série de profissionais renomados no mercado transmitiram seus conhecimentos sobre diversos assuntos ligados ao tema da feira.

Foi o que relatou um dos palestrantes, o gerente comercial da Océ, Ricardo Pi Martin Vieira: "Durante a palestra foi possível perceber que a FESPA Brasil reuniu um público muito direcionado, tomador de decisão. Essa qualidade de público é fundamental. Além de quantidade, o público também é relevante em qualidade, com interessados em fazer negócio". A Océ promoveu ainda o Ocean of Colors, um encontro para falar sobre a impressão.

A FESPA Brasil marcou o início da parceria entre Océ e Canon. Eduardo Buck, gerente de vendas da Canon, falou sobre o trabalho da empresa e a recepção da feira: "A Canon vem desenvolvendo projetos e investindo na capacitação do empresário brasileiro, dando suporte a novos projetos de desenvolvimento da cultura da impressão. Tivemos boa percepção com relação ao público que foi à feira".

A Océ, com sua linha Arizona, atingiu os objetivos para os quatro dias de feira ainda no segundo dia do evento. "A FESPA Brasil superou todas as nossas expectativas. A organização da feira está de parabéns", relatou Eduardo Petroni, diretor da Océ na América Latina.

Ainda foi possível torcer no Wrap Cup Masters Series, campeonato de envelopamento de veículos que foi promovido nos três primeiros dias de feira. O grande vencedor foi Jefferson Pimenta, de São Paulo, que ganhou o direito de disputar o mundial no mês de junho, em Londres. "Foi uma emoção muito grande. Agora vou me preparar para ter o prazer e a honra de trazer o mundial para o Brasil".

ExpoPrint Digital 2013 surpreende expositores

Os expositores corroboram com o sucesso da ExpoPrint Digital 2013. Seus estandes estiveram a todo momento tomados por profissionais interessados em descobrir as novidades do mercado e, mais do que isso, querendo fechar negócio. A Alphaprint apresentou uma série de soluções aos visitantes durante a ExpoPrint Digital. Hadriano Domingues, diretor de marketing e planejamento, ressaltou a participação na feira: "O estande teve bastante movimento do começo ao final da feira, vários projetos levantados e pedidos fechados. Uma surpresa muito agradável".

A primeira edição da ExpoPrint Digital foi de grande relevância para a Heidelberg. Para Dieter Brandt, presidente da Heidelberg do Brasil: "Durante 4 dias, pudemos recepcionar milhares de visitantes em nosso estande, onde o foco era mostrar os benefícios de uma verdadeira gráfica híbrida. A Speedmaster SX 52 com tecnologia Anicolor e o equipamento digital Linoprint C 901 juntas, com o pacote de softwares da família Prinect para W2P & MIS, entre outros, impressionaram os visitantes que vieram de todos os cantos do país. Além disso, realizamos um encontro sobre "gráfica híbrida", que contou com apresentações excepcionais e uma mesa redonda onde os nossos clientes puderam ter perspectivas práticas de como tirar proveito da estratégia de se tornar uma verdadeira gráfica híbrida. Muitos pedidos, principalmente para a Linoprint C 751 e C 901, foram tirados durante a ExpoPrint Digital, e muitos projetos foram iniciados, o que nos deixam muito otimistas para os meses que estão por vir".

A Ferrostaal esteve com a MGI na ExpoPrint Digital. Para Jânio Coelho, gerente geral da Ferrostaal, a feira "superou todas as expectativas. Foi a primeira vez que a Ferrostaal se apresentou em uma feira tipicamente digital. A ExpoPrint Digital nos surpreendeu com um público extremamente interessado".

A EFI participou da ExpoPrint Digital com o estande próprio da EFI Metrics e também com equipamentos na Alphaprint. Para o gerente de vendas Marcelo Maeda, "estamos felizes com os resultados. O primeiro dia foi bem acima do esperado, conseguimos avançar com alguns ciclos de venda e conseguimos um outro tanto para ir trabalhando até o final do ano. É uma avaliação bastante positiva".

Depois de muitos anos sem estar presente no Brasil, a Xeikon, com a PTC, levou o modelo 3030 para a ExpoPrint Digital 2013: "A visitação foi muito boa e criou uma nova visão do que há na impressão digital em várias áreas. Foi um marco e tivemos um bom começo. Acreditamos que com a feira possamos multiplicar nossos números nesse e no próximo ano", relatou Miguel Troccoli, gerente geral da PTC e presidente da ABFlexo.

A Konita Brasil recebeu a visita do presidente internacional da empresa, o chinês Weng Yinqiao, que falou sobre o bom momento que vive o mercado brasileiro, principalmente com os futuros eventos, como Copa do Mundo e Olimpíadas. Para Dalmar Baeta Lopes, diretor da Konita Brasil, "foi excelente para a Konita Brasil a consolidação da marca no país. Fomos prestigiados pelo presidente da Konita Hong Kong. A expectativa de crescimento é grande, pois a feira é um sucesso e estamos extremamente satisfeitos com o resultado obtido".

De acordo com Karina Escobar, diretora da Calcgraf, o saldo foi muito positivo. "Atendemos 163 empresas, sendo 80% potenciais clientes e 20% empresas que já usam nossas soluções e com as quais tivemos oportunidade de estreitar o relacionamento e apresentar as novidades". O público de qualidade foi ressaltado por Mayara Almeida, da Furnax: "É um público que tem um diferencial, com pessoas decididas a comprar, como diretores de empresa. Já temos máquinas reservadas e mais negócios em andamento. A expectativa era muito boa e o resultado foi maior do que esperávamos". Basilios Eleutheirou, sócio, diretor de vendas da Slem, relata: "Nossa participação foi excelente. É a terceira vez que participamos de uma ExpoPrint, pois sentimos que podemos beneficiar os clientes que são da área digital e eles estão entendendo, sendo bem receptivos".

Para o diretor de comunicação Rafael Veras, da Xerox do Brasil, "A Expoprint foi sem dúvida um grande sucesso para nós e sobretudo para a nossa rede de canais que seguramente volta agora para as suas bases com um rico material de trabalho que se reverterá em muitos outros negócios ao longo dos próximos meses". As vendas foram positivas para a Xerox: "No próprio evento em que um dos nossos parceiros, a Meta Solutions, celebrou a instalação da primeira impressora digital iGen150 do mercado nacional, outro importante parceiro e coparticipante do nosso estande, a NewMSE também realizou importantes contatos e vendeu pelo menos cinco impressoras DocuColor 8080 e diversas X700 e X560 para clientes de todo o país. No mesmo ritmo, revendas como Apolo, Tecniplot e Teletoner também negociaram impressoras X1000 para seus clientes e muitos outros equipamentos".

Rafael conclui abordando o balanço da Xerox do Brasil sobre a ExpoPrint Digital: "Para nós, um saldo muito positivo e o resultado do compromisso e da dedicação da Xerox a um mercado que se mostra extremamente promissor no Brasil assim como no mundo inteiro. Foi sem dúvida um grande evento que contribuiu enormemente para a integração e o desenvolvimento da indústria gráfica no país". Helio Oliveira, Diretor Comercial da NewMse, que participou da feira através de parceria com a Xerox, ressaltou a a qualidade do público circulante, gerando assim prospects interessantes para todas as marcas expositoras, mantendo a credibilidade da ExpoPrint Digital 2013 na geração de negócios.

Diretor da ExpoPrint Digital 2013 e presidente da Afeigraf destacam qualidade da feira

"Foi um prazer ser diretor da ExpoPrint Digital". Foi assim que Eduardo Buck resumiu a bem-sucedida edição 2013 da feira. Buck comentou sobre o trabalho desenvolvido: "Foi uma novidade que o mercado me deu. Como diretor, fiquei bastante satisfeito com a qualidade de todo o processo desenvolvido. A equipe da APS Feiras & Eventos fez um trabalho brilhante de conseguir trazer todas as soluções necessárias para o mercado de impressão digital".

A variedade de soluções foi um diferencial: "Olhando para quem foi para a feira, se conseguiu trazer todos os possíveis fornecedores para as soluções necessárias à indústria. Foi possível ver softwares de vários tipos, desenvolveres de aplicações, fornecedores de acabamento, consultores, franquias. O empresário foi à feira para buscar solução e com certeza encontrou essa solução", comenta Buck.

O presidente da AFEIGRAF, Dieter Brandt, ressaltou: "O conceito da ExpoPrint sobre feiras gráficas, poucos anos após seu lançamento, já é considerado um dos mais importantes no meio da indústria gráfica mundial. Realizada a cada quatro anos no Brasil, a ExpoPrint Latin America está entre as quatro maiores feiras gráficas do mundo. Nessa feira é possível ver as últimas novidades apresentadas na Drupa e também os mais recentes lançamentos. Com a ExpoPrint Digital cobrindo o rápido avanço das novas tecnologias de impressão digital, criamos um outro evento forte no quesito "transferência de conhecimento", onde todos os que procuram aprimoramento tecnológico em seu processo de produção gráfica encontram novas oportunidades de negócio para ampliar o ramos de atuação de sua empresa. A parceria com a FESPA foi benéfica, já que cria uma sinergia entre os segmentos de impressão, que geram novos e atrativos negócios para as gráficas".

O resultado foi satisfatório: "Estamos muito satisfeitos com a presença de 13.184 visitantes únicos, que visitaram a feira inúmeras vezes. Não podemos nos esquecer de mencionar o fato de que a ExpoPrint Digital atraiu, já em sua primeira edição, tomadores de decisão não somente de São Paulo, mas de todos os cantos do país. Muitos negócios foram realizados durante a ExpoPrint Digital. Esse é o motivo que a maioria dos expositores já confirmou a presença para a edição de março de 2015", aponta Dieter Brandt.

A qualidade da feira vai refletir em sua continuação: "O sucesso dessa feira vai trazer uma resposta ao mercado de impressão digital. É um grande motivador para que continue. Tenho certeza que todos sentiram isso e em 2015 vão apoiar novamente a indústria fazendo esse evento bonito como foi visto aqui. Foi um trabalho bem estruturado e todo trabalho bem estruturado e pensado, que traz um resultado efetivo ao mercado, tende a se repetir", finalizou o diretor da ExpoPrint Digital 2013, Eduardo Buck.

Confira imagens da FESPA Brasil e imagens da ExpoPrint Digital 2013. Nos sites da FESPA Brasil (www.fespabrasil.com.br) e ExpoPrint Digital (www.expoprintdigital.com.br), há detalhes de toda a cobertura, assim como no Facebook (www.facebook.com/fespabrasil e www.facebook/expoprintdigital) e Twitter (@expoprintdigi e @fespabrasil).














































Todos os direitos reservados a Press Communications.