Sexta, 19 de outubro de 2018
Pesquisa:

30/03/2015 - FESPA Brasil / ExpoPrint Digital consolida posição no país e anuncia edição anual

A FESPA Brasil / ExpoPrint Digital 2015 comprovou sua posição como a primeira grande feira de negócios do ano no setor de impressão digital e comunicação visual. Promovida entre os dias 18 e 21 de março no Pavilhão Branco do Expo Center Norte, a feira superou as expectativas e anuncia grandes novidades.

Durante os quatro dias de feira, foram registrados 14.236 visitantes únicos. Os números deixam claro o enorme sucesso da FESPA Brasil / ExpoPrint Digital 2015. Na comparação com a edição 2013, houve um crescimento de 8% em visitantes únicos.

Para abrigar as grandes marcas nacionais e internacionais, a área de exposição foi aumentada em 8%. Foram 12% mais expositores do que em 2013 - e um crescimento ainda maior em marcas expostas: nesta edição foi atingido o número de 439 marcas.

Reforçando a proposta feita pela FESPA e APS desde a primeira edição de reinvestir no mercado, buscando profissionalizar o mercado e criar demandas de impressão e negócios sustentáveis, foram organizados dois congressos gratuitos durante a exposição: o Congresso Internacional de Impressão Digital e Digital Textile Conference, já presente em outras partes do mundo e realizado pela primeira vez no Brasil. Ambos fizeram enorme sucesso, somando um total de 496 participantes.

Desde 2011, a APS e FESPA vêm estudando o mercado visando oferecer uma solução perfeita para expositores e visitantes, assim decidiu por promover a feira no início do ano, e assim consolidando sua posição como a primeira oportunidade do ano para gerar negócios e buscar novas oportunidades. Tal iniciativa começou em março de 2013, manteve seu posicionamento em março de 2015 e neste momento, atendendo mais uma vez a necessidade do mercado, a feira passa a ser anual, com a próxima edição já confirmada, de 6 a 9 de abril de 2016.

Outra grande novidade é que mais um segmento ganha espaço e uma terceira feira é confirmada para ocorrer na mesma data e espaço: a Brasil Label, iniciativa promovida entre APS Feiras e FESPA voltada para o crescente segmento de impressão de rótulos.

APS Feiras reforça variedade de soluções apresentadas

Para Alexandre Keese, Diretor da APS Feiras, "O balanço é o mais positivo possível. Recebemos na FESPA Brasil / ExpoPrint Digital 2015 impressores vindos de todos os lugares do país. São empresários buscando novos investimentos, tecnologias e oportunidades de negócio. E tudo foi encontrado aqui".

Keese ressalta a parte educacional e tecnológica da feira: "Tivemos uma série de palestras sobre tecnologia, gestão e oportunidades. Os expositores demonstraram tecnologias em software, hardware, gestão, insumos, para que todas as soluções de comunicação visual, impressão digital e vestuário fossem atendidas de forma plena dentro da feira. Os empresários saíram com a semente e pensando quantos projetos eles podem desenvolver".

O diretor da APS Feiras encerra destacando segmentos fortes e as novidades para o próximo ano: "Tivemos uma área têxtil forte, com impressão em cima de tecido gerando novas oportunidades de produtos e negócios em vestuário. Apresentamos ainda sublimação, comunicação visual, rápidas e baixas tiragens; enfim, conseguimos cobrir tudo o que existe de novo. Para 2016, será planejada uma feira ainda mais especial, com mais conteúdo, trazendo informação sempre de primeira. Vamos agregar mais áreas, como a label, além de uma série de palestras e outras atividades".

Congressos na FESPA Brasil

Em 2015, a FESPA Brasil promoveu a segunda edição do Congresso Internacional de Comunicação Visual e Impressão Digital. Assim como em seu primeiro ano, a iniciativa foi bem sucedida. Durante três dias, o auditório ficou repleto de empresários que buscavam dicas e técnicas passadas por especialistas renomados de todo o mundo. Uma oportunidade única de aprendizado.

Dentro do Congresso Internacional de Comunicação Visual e Impressão Digital, foi promovido o primeiro Debate de Estratégias de Mercado da Comunicação Visual no Brasil. A parceria entre APS, FESPA e Revista GF trouxe resultados positivos. Mediado pela editora da GF Luciana Andrade, especialista no segmento de comunicação visual, cinco empresários de diferentes pontos do Brasil - Fortaleza, Curitiba, São Paulo, Porto Alegre e Cuiabá - passaram experiências, impressões, métodos e técnicas ao público. Foram abordados nichos de mercado, tecnologia, evolução empresarial, o trabalho com os funcionários, o impacto da economia, a busca por agregar valor, projetos em novas áreas, o futuro da comunicação visual e muito mais. O público participou tirando dúvidas e transmitindo suas aspirações no mercado.

A novidade na FESPA Brasil 2015 foi o Digital Textile Conference. A iniciativa destacou a impressão digital têxtil - ou estamparia digital -, que está em franco crescimento no Brasil e no mundo, gerando altas demandas de impressão. Durante todo o dia, empresários e especialistas no ramo falaram sobre técnicas, processos, história e outros pontos. Os representantes da APS Feiras e FESPA destacaram a importância dada em reverter os lucros em educação para o mercado, além de preocupação em gerar demanda de impressão.

Ricardo Pi, diretor da Durst no Brasil, foi um dos palestrantes do Digital Textile Conference São Paulo: "No congresso, pudemos compartilhar com o público local algo que já vem acontecendo com força na Europa e Estados Unidos: o uso do tecido para comunicação visual em grandes formatos. Comparamos a diferença em termos de custo e os benefícios do soft signage. Demonstramos esta possibilidade aos participantes".

O gerente comercial da Global Química & Moda, Felipe Simeoni, reforça a presença na FESPA Brasil e o patrocínio ao Digital Textile Conference: "Tivemos uma participação muito qualitativa. Com muito prazer recebemos os nossos principais clientes em nosso estande, de grandes indústrias do país. A Global é referência no segmento têxtil e ministramos quatro palestras. Dividimos conhecimento e vivência de mercado. Tivemos um dia especializado no segmento têxtil e pudemos levar conteúdo e referências do mercado". 

Executivos da FESPA celebram resultados da FESPA Brasil

Durante a FESPA Brasil 2015, os executivos da FESPA na Europa estiveram no Expo Center Norte e viram de perto a consolidação da marca no país com a segunda edição da feira.

O presidente da FESPA, Lascelle Barrow, relata: "A feira foi fantástica. É absolutamente incrível o número de pessoas que vieram este ano. Em todos os dias, esteve lotada. As pessoas ficam o dia todo na feira. É uma grande oportunidade ter a FESPA no Brasil. Os expositores ficaram extremamente felizes e isto é muito bom". 

Neil Felton, FESPA Chief Executive Officer, frisa: "As pessoas vieram até a FESPA Brasil para buscar apoio em encontrar novas possibilidades de negócios e impressão. Temos grandes oportunidades no país. A impressão digital é muito forte e oferece vastas possibilidades de negócio. Os visitantes estão se inspirando e dizendo que as coisas vão mudar e melhorar".

Na primeira visita ao país de Michael Ryan, FESPA Exhibition Manager, há 10 anos, as pessoas perguntavam quando a FESPA estaria no Brasil. "E agora temos esta feira incrível! É uma grande alegria para a indústria. A FESPA não visa lucros. Ela reinveste seus lucros na indústria, com seminários, conferências e treinamentos. Estamos falando com expositores e com a comunidade de impressão para que possamos fazer o investimento da melhor maneira possível; vemos um grande futuro para a FESPA aqui no Brasil", e adiciona: "Desde o primeiro dia, os expositores me paravam no corredor e diziam: Michael, a feira está excelente. Todas as empresas com quem eu falei tiveram uma grande feira. O feedback foi muito positivo. Algo muito importante é que as expectativas com a FESPA já são grandes. E elas foram alcançadas no Brasil".

De acordo com William Khabbaz, International Sales Executive da FESPA: "Tivemos um alto número de visitantes. Ouvi os expositores na feira que ressaltaram a qualificação do público. Tivemos um segmento têxtil forte. Os brasileiros estão em busca de informações e a parte de conteúdo foi interessante. Nossa política é de reinvestir todos os nossos lucros no mercado. Fazemos conferências ao redor do globo e fomentamos a indústria para gerar novas demandas de impressão. Mostrar novas máquinas, tecnologias e possibilidades. A FESPA Brasil 2016 será maior e melhor. Estamos sempre buscando novos mercados e prontos para o ano que vem”.

Wrap Cup Masters Series tem novo campeão

Outra iniciativa que contou com sua segunda edição foi o Wrap Cup Masters Series Brasil, um campeonato de envelopamento de veículos. O grande campeão foi Eduardo Chardosim Stabel, de Porto Alegre (RS), que superou na final Marcos Araújo Pereira, de Diadema (SP). 

Eduardo Chardosim Stabel, que ficou muito perto do prêmio em 2013, voltou e sagrou-se o grande vencedor. Ele destacou os 18 anos de experiência como bagagem para a disputa. Para Stabel, "O dia a dia conta muito, pois trabalho com isso há muitos anos e sei que é a experiência rotineira o principal treinamento. Vou me preparar muito para o mundial, seguir trabalhando forte e ficar atento às novidades do mercado para conseguir sempre os melhores resultados".

Adriano Medeiros, da PixelDots, reforçou a evolução dos competidores entre os dois torneios: "Ficamos impressionados com a categoria avançada dos  doze competidores. Todos demonstraram um excelente preparo, cada um com seu método, e a vitória do Eduardo não foi uma surpresa, pois ele também tem um nível altíssimo. Já estamos preparando as novidades para os competidores de 2016!".

Impressão digital em foco na ExpoPrint Digital

A ExpoPrint Digital demonstrou soluções diversas em impressão digital. Desde os softwares de pré-impressão e gerenciamento, além das infinitas possibilidades do web-2-print, passando pela impressão de dados variáveis, baixas tiragens, sob demanda, rótulos, chegando ao acabamento digital e todos os substratos que podem ser impressos, a feira foi recheada de soluções e lançamentos.

O diretor da ExpoPrint Digital e gerente de vendas da Canon, Eduardo Buck, ressalta: "A ExpoPrint Digital / FESPA Brasil foi um novo marco para a Canon no Brasil, pois em meio às incertezas da economia, continuamos a investir no Brasil. Trouxemos ao mercado gráfico brasileiro um novo portfólio de equipamentos que tem por objetivo melhorar a eficiência no uso da tecnologia de impressão sob demanda. O lançamento da imagePRESS C800/C60 para gráficas rápidas e impressão de livros sob demanda teve uma ótima repercussão e foi um dos destaques, ao lado da Océ Arizona 6170 direcionada à comunicação visual".

O presidente da Afeigraf e diretor da Gutenberg, Klaus Tiedemann, falou sobre os resultados alcançados: "Tivemos uma visitação excelente, especialmente com público de qualidade. A ExpoPrint Digital demonstrou que a impressão digital está no foco dos investimentos do mercado de impressão. Na feira, a Gutenberg demonstrou uma solução brasileira para impressão digital transpromo, que gerou muito interesse".

Elaine Almeida, vice-presidente da Afeigraf e gerente de marketing da Ferrostaal, salienta que a feira superou os resultados esperados: "A feira foi muito boa. Superou nossas expectativas. Vimos um público diferenciado, em busca de novidades. Muitos viram na ExpoPrint 2014 nosso produto e agora vieram com um projeto amadurecido em mente. O trabalho foi plantado e logo teremos nosso êxito". 

Para José Luis Gutiérrez, presidente da Heidelberg do Brasil, o balanço foi muito positivo: “O fluxo de visitantes e a qualidade do público realmente nos surpreenderam. Fechamos negócios na área de acabamento e os lançamentos da linha Linoprint, explorando aplicações especiais e produtos de alto valor agregado, chamaram muito a atenção do público. Temos certeza de que muitos negócios se concretizarão”, afirma. 

A Sharp escolheu a ExpoPrint Digital para voltar ao Brasil com muita criatividade e interatividade. "A Sharp veio para o Brasil recentemente e este é o primeiro evento grande e de expressão no Brasil. A reação das pessoas foi algo muito positivo para nós. Quem já conhecia a marca viu que estamos de volta e com força. Apresentamos produtos e vimos a identificação do brasileiro com a marca", avalia Marcelo Izar D`Alessio, gerente de marketing da Sharp. 

O novo presidente da Ricoh Brasil, Alejandro Tomás, esteve na feira e presenciou o sucesso do estande da empresa. "Estamos muito felizes com a feira. Lançamos uma impressora digital de cinco cores e ficamos satisfeitos com a visita dos clientes e a dinâmica do estande. Está superior às expectativas que tínhamos para a feira".

Luis Iglesias, diretor executivo de Artes Gráficas da Xerox, foi um dos palestrantes do Congresso Internacional de Comunicação Visual e Impressão Digital e fala sobre a ExpoPrint Digital: "O ponto positivo é que o índice de visitação foi acima do que esperávamos. Muitos vieram conferir as novidades. Ainda vamos colher frutos do que vimos aqui para os próximos meses dos clientes que passaram pelo estande". 

O gerente senior de revendas, distribuição e varejo da Canon, Luciano Quidicomo Neto, destacou as boas vendas durante a feira: "Estamos muito satisfeitos em mais um participação na FESPA Brasil. Tiramos o melhor para a companhia com nossos lançamentos, como a multifuncional colorida, com grandes resultados e cerca de 10 vendas durante a feira". Eduardo Petroni, diretor Superintendente da Canon – Océ, relatou a visão da ExpoPrint Digital, onde lançou a nova família Océ Arizona e promoveu importantes contatos. "A feira foi positiva para nós, muito mais do que esperávamos. O objetivo final foi alcançado". 

Michel Cecílio Junior, gerente de produtos Riso, destaca a ExpoPrint Digital como o lugar ideal para a Gomaq estar: "Superou as expectativas como todos os anos. O que consideramos importante é que a ExpoPrint Digital contrapõe aquela objeção sobre crise ou mesmice do mercado. Ela traz novidades. Aqui, conseguimos apresentar soluções de ponta, novos desenvolvimentos e nichos de mercado. Fazemos uma relação de parceiro com o cliente. E esta feira permite ao cliente as possibilidades de expansão".

A Alphaprint focou em impressão digital para esta edição da ExpoPrint Digital 2015. Hadriano Domingues, diretor de planejamento e marketing, frisa: "Em relação à feira, focamos a parte digital, em toda a cadeia de impressão digital. A visitação foi boa, o estande ficou sempre cheio. Abrimos alguns projetos e gostamos de participar da feira. O saldo é positivo, com abertura de novas oportunidades". Dentro do estande, um dos sucessos foi a PrintOne, com as facilidades do web-2-print.

Ronaldo Arakaki, gerente de marketing e negócios da Konica Minolta, fala da satisfação da empresa em participar da feira: "Ficamos satisfeitos com o movimento do estande e também em fechamentos de negócios, foi um sucesso acima do estimado. Tivemos um retorno positivo com nossos dois lançamentos".

O diretor da Imidia, Heberto Pachon, frisou o interesse do público pela impressão digital: "Em termos de impressão digital, vimos muitas pessoas interessadas. A feira foi bastante movimentada, com interesse real, tendo em conta as questões econômicas atuais. Tivemos boas reuniões durante a feira. Considero uma feira de muita qualidade, bem organizada, com estandes e demonstrações de alto nível".

Comunicação visual em alto nível na FESPA Brasil 2015

As soluções de comunicação visual, sinalização, grandes formatos e muitos outros segmentos estiveram presentes no espaço de exposição da FESPA Brasil 2015. A HP patrocinou o Congresso Internacional de Comunicação Visual e Impressão Digital e estreou com êxito na FESPA Brasil ao apresentar sua linha Látex, muito bem recebida. Edissa Furlan, gerente de comunicação e marketing da HP, destaca: "A feira foi uma grata surpresa neste primeiro ano da HP. Vimos um público interessado, de qualidade, e para nós é uma honra ter colhido os frutos na feira. Sentimos a busca por novas aplicações, com empresários que buscam a criatividade".

Para Fábio Colello, diretor comercial da Aplike, a visitação de qualidade acima das expectativas ficou comprovada: "Nós medimos o interesse dos visitantes através de fichas de cadastro. Conseguimos um número de fichas 85% acima do esperado. Também conseguimos fechar vários negócios durante a feira”.

A Alltak trouxe o especialista mundial de veículos Justin Pate para abrilhantar a festa de seu estande. Para Alessandro Campos, "A expectativa é sempre boa por se tratar de uma feira internacional. Resolvemos em 2013 participar e esperamos os 2 anos para fazer com que ela acontecesse. E foi surpreendente. Conseguimos um ótimo resultado. Todos os dias de feira foram positivos em negócios e visitação".

Fernando Schevz, gerente comercial da Akad, é outro profissional que destacou como ponto principal a qualidade do público: "A FESPA Brasil foi bem interessante. Fizemos muitos contatos com um público qualificado e focado, que veio realmente interessado em conhecer as tecnologias Novajet e Novacut".

O gerente comercial da Mimaki, Danilo Ribeiro, frisa a evolução da feira: "É a segunda edição da FESPA que participamos e vimos uma boa evolução. Assim como no primeiro evento, é um público qualificado, tomador de decisão, vindo com conhecimento e ideia de investimento".

A evolução positiva também foi notada por Willians Lotti, product manager da Roland: "Na última edição que participamos, vimos que ela traz um público focado, e trouxe bons negócios. Nesta não foi diferente. Percebemos que o público está interessado. Com a feira, recebemos quem quer investir. O mercado está forte, como em sublimação".

Nelson Baker Junior, coordenador comercial da Metalnox, destaca: "Participamos da feira no Brasil desde sua primeira edição. É muito importante, pois acontece em todo mundo e a edição nacional tem um destaque em comunicação visual; tivemos a chance de mostrar novas oportunidades para este mercado, tanto com sublimação como impressão direta".

FESPA Brasil / ExpoPrint Digital é espaço para lançamentos

Muitas empresas aproveitaram a oportunidade dada pela FESPA Brasil / ExpoPrint Digital para lançarem produtos dentro dos mercados de impressão digital e comunicação visual. Novos equipamentos, softwares, serviços e substratos foram vistos pela primeira vez nos estandes dos expositores.

Um exemplo foi a Imprimax, que lançou mais de 150 novos itens de produtos na FESPA Brasil com uma excelente receptividade, como conta a gerente comercial Luciana Ventura. "Estamos bastantes satisfeitos com os resultados obtidos e a qualidade do público que frequentou nosso estande. As pessoas estão aqui realmente em busca de fechamento de negócios, isto é extremamente interessante". A empresa foi patrocinadora do Wrap Cup Masters Series Brasil.

O diretor técnico da FIX Impressoras, Edson Agostinho, notou que o visitante veio à procura de negócios: "Os visitantes não querem parar de investir. O lançamento de nossa tinta foi um sucesso, houve uma grande repercussão. Para nós, foi uma boa feira. Agora para colher os frutos temos que trabalhar. A FESPA Brasil nos trouxe uma boa divulgação, as pessoas vieram e nos conheceram. O retorno foi muito bom".

Fabricio Christoff, gerente da J-Teck, destaca a qualidade e variedade do público que visitou seu estande na FESPA Brasil e conheceu seus lançamentos: "Recebemos visitas de todos os tamanhos de clientes em nosso estande, pessoas focadas que vieram para comprar e ampliar seus negócios. Temos agora para trabalhar um resultado pós-feira, com muitos contatos de gente interessada em nossas soluções. Aquela ideia do medo financeiro não foi o que vimos na FESPA Brasil. Em volume de contatos a feira foi muito boa".

A Sign Supply, patrocinadora da Wrap Cup Masters Series Brasil, fez sucesso com sua nova logo. "O balanço é positivo pela qualificação do público que está visitando a feira. Tivemos muita procura de pessoas interessadas em maquinários e suprimentos. Isto é bastante positivo para nós", diz Markus Runk, da área de marketing da Sign Supply.

Impressão têxtil destaca bom momento e grandes resultados na FESPA Brasil 2015

A impressão digital têxtil - ou estamparia digital - foi um ponto de destaque na FESPA Brasil 2015. Empresas nacionais e internacionais expuseram suas soluções para este segmento que vem crescendo a cada ano e é uma excelente oportunidade de investimento, independente de cenários externos.

Carlos Vargas, gerente comercial da BM do Brasil, ressaltou o público qualificado e selecionado. "Eram diretores e técnicos com poder de decisão. Vimos uma boa circulação de pessoas e percebemos que todos que passaram pela feira, visitaram nosso estande. Para superar a crise, apenas trabalhando muito. Estamos em um setor - estamparia digital - muito privilegiado, que está crescendo. Hoje a BM sabe que pode apostar na feira e em 2016 estaremos novamente e com uma força ainda maior".

A MS Printing Solutions foi patrocinadora da FESPA Brasil 2015. Para a gerente de vendas da MS, Ana Figueiredo, o saldo foi satisfatório: "Tivemos resultados positivos em expor e patrocinar a FESPA Brasil 2015. Patrocinar a feira foi importante, pois conseguimos aumentar a divulgação de nossa marca pela feira. E estaremos aqui em 2016", conclui.

A Durst foi uma das patrocinadoras da FESPA Brasil 2015. O diretor da Durst no Brasil, Ricardo Pi, salientou a força da feira com foco em negócios: "A FESPA Brasil tem um propósito muito interessante e posso garantir que atingimos o objetivo planejado: ela é uma feira de negócios. O público vem para fazer negócio. Trouxemos uma máquina inédita na América do Sul e tivemos muitos clientes que puderam conhecer o equipamento em funcionamento. O grande ponto é que ela é uma feira com um público focado e determinado". A empresa apresentou suas soluções juntamente com a representante Vinilsul.

A Epson ampliou o sucesso obtido na FESPA Brasil 2013. De acordo com Evelin Wanke, especialista de produtos Epson para a linha de Grandes Formatos, "A FESPA Brasil foi muito interessante desde o primeiro dia, movimentada e com clientes bem qualificados. Já fechamos alguns negócios e o balanço é extremamente positivo, assim como a FESPA Brasil 2013, que já havia trazido bons resultados para a Epson; estávamos com boa expectativa e a feira respondeu bem a essas expectativas". A empresa promoveu um grande trabalho na impressão têxtil, com equipamentos e patrocínio ao Digital Textile Conference.

Paolo Torricella, Area Sales Manager da Reggiani Macchine, estreou com qualidade: "É a primeira FESPA Brasil que participamos. A feira foi muito boa para a apresentação de nosso equipamento híbrido com alta velocidade". 

Expositores de todo o mundo ressaltam público focado da FESPA Brasil / ExpoPrint Digital

Marcas conhecidas globalmente estiveram durante os quatro dias de evento na FESPA Brasil 2015 e puderam apresentar seus lançamentos a um público focado e de qualidade. Representantes e profissionais de todo o mundo participaram da iniciativa e colheram bons resultados.

Seweryn Wiciak, export manager da Opus, sentiu uma diferença positiva em relação às feiras na Europa: "Ficamos surpresos com a quantidade e o grande interesse dos visitantes da FESPA Brasil, especialmente se compararmos com as feiras da Europa. Sentimos aqui um potencial maior, com as pessoas realmente comparecendo ao estande".

Pedro Sousa, Suporte Técnico e Especialista de Produto da Caldera, ressaltou a expansão da marca durante a FESPA Brasil 2015: "Tivemos uma visibilidade muito boa em comparação a outras feiras. Conseguimos um relacionamento com os visitantes e também com os outros expositores, em importantes negócios B2B, comprovando que é uma feira realmente voltada para negócios".

Edsel Lonza Jr., diretor da LZ Consultoria, estreou na FESPA Brasil 2015 com sucesso: "Estamos surpresos com o grande sucesso da feira. Estivemos em contato com visitantes nacionais e internacionais. Para nós, o saldo foi extremamente positivo e valeu a pena a participação", e destaca também as palestras: "A FESPA sempre se preocupa em tornar o evento educacional e o mercado brasileiro precisa muito. Para nós, foi um prazer colocar um consultor associado falando sobre um tema específico. Tivemos um retorno do público e pretendemos fazer ainda mais".

Rogério Pinho, da AlphaGraphics, fala do balanço da empresa na feira: "Estivemos nas últimas edições da feira e esta foi uma das melhores que já participamos, com o estande cheio o tempo todo. O público veio para fazer negócios e no nosso caso foi muito positivo. A impressão 3D chamou muito a atenção".

O coordenador de marketing da ZAP, Gustavo Varella, relata: "Tivemos um fluxo muito bom de clientes em nosso estande que estão dentro de nosso foco de atuação. Conseguimos interagir com prospects e clientes de uma forma muito boa. O relacionamento foi positivo e esperamos agora aumentar nossa participação de mercado em São Paulo e em todo o Brasil".

O diretor comercial da 4rag, Helio Oliveira, frisa sua estreia na feira: "Achei bastante interessante, me surpreendeu positivamente. Tivemos um retorno, com uma grande procura no estande por produtos e serviços oferecidos. Meu balanço é muito positivo em relação ao que imaginávamos".

Andrea Costa apresentou a plataforma Isidora: "O Isidora participa da terceira feira ExpoPrint e novamente foi muito produtivo. O público estava interessado e gostou muito desta solução web-2-print". Pela OKI, o gerente de marketing Marcelo Cerri destaca: "Trouxemos nossos equipamentos com toner branco. Tivemos uma grande recepção do produto, com muita gente interessada. As pessoas adoraram nossos produtos e bons negócios vão sair daqui".

Diversidade de possibilidades

Para quem queria ampliar seus negócios ou conhecer soluções que facilitassem sua rotina nas empresas, a FESPA Brasil / ExpoPrint Digital atendeu plenamente todas as necessidades. Os estandes apresentaram uma variedade de serviços e soluções, englobando de fato toda a cadeia de impressão.

Ricardo Ottolia, responsável pela área comercial da Endutex, afirma: "Posso dizer com muita satisfação que o balanço foi muito positivo. Surpreendeu e superou as expectativas. Um público realmente focado, voltado a negócios, que veio em busca de novidades e produtos diferenciados. E a Endutex ofereceu a estes visitantes algo especial".

O CEO da Cotaprint, Thiago Cid, conseguiu divulgar seu site de cotações gráficas para os visitantes: "A feira foi muito bacana para nós. Queríamos divulgar nosso site para os empresários gráficos e também aos clientes finais e conseguimos. Recebemos em nosso estande um público variado e conseguimos fazer muitos cadastros".

O diretor comercial da Vitor Ciola, José Eduardo Ciola, ressaltou o bom movimento: "Tivemos um bom movimento em nosso estande. Viemos pela terceira vez na feira - desde 2011 na Digital Imaging - e sempre vemos pessoas interessadas e que querem investir. A organização novamente foi muito boa". Quem também demonstrou entusiasmo foi Luciano Santana, diretor comercial da Mettalforma, que apresentou sua solução de corte laser: "A feira foi melhor do que o esperado em relação a negócios, acima de nossas expectativas".

Público qualificado e pronto para investir

A FESPA Brasil / ExpoPrint Digital é conhecida no mercado por ser uma feira que recebe o público certo: o empresário tomador de decisão, pronto para fechar negócios e investir em soluções que irão transformar suas empresas. Durante a feira, estes visitantes conheceram os expositores, trocaram contatos e já concluíram negociações relevantes. No total, foram 14236 visitantes de todas as regiões do Brasil e também de outros países.

A empresária no ramo têxtil, Teodomiria Ribeiro de Moraes, veio de Salvador (BA). Com interesse de ingressar em comunicação visual, aprovou as soluções: "Gostei muito, há muitas opções e novidades. A tecnologia está ajudando bastante em nossa atividade e fiquei impressionada com o que vi. Já peguei alguns contatos para depois negociar".

O gerente comercial Santiago Francisco da Silva, de Mogi das Cruzes (SP), quis conhecer de perto os lançamentos: "Atuo em uma revenda e visitei a feira com o objetivo de conhecer as impressoras de grande formato, pois estamos conseguindo clientes neste segmento. E a feira está muito boa para quem atua com grandes formatos. Chamou bastante atenção com novidades".

Herick Ghenov, empresário de Guarulhos (SP), participou para buscar oportunidades de investimento: "Além das tendências em novas tecnologias, quero saber o que há de novidade no mercado e estudar novos investimentos para poder atender uma demanda maior de clientes. A cada dia o cliente se preocupa mais em comunicação visual. Até dentro de suas residências as pessoas estão usando impressão, como na decoração. Nos preocupamos em atender a demanda atual. E se tem demanda, tem investimento".

O empresário Gelne Nascimento Sousa, de Capim Grosso (BA), fala de sua impressão com a FESPA Brasil 2015: "É completa, com muita novidade. Encontrei tudo o que procurava. Foi positivo vir até aqui, me atendeu bem. E já vou me programar para vir ano que vem".

O estudante de Design Gráfico, de Caieiras (SP), Guilherme Cândido da Silva, veio conhecer soluções diferenciadas: "Estamos produzindo uma revista e viemos conferir soluções de produção gráfica. Queremos saber mais sobre impressão e suprimentos. Foi muito interessante ver a diversidade de papéis e a qualidade de impressão. A visita valeu muito".

Joyce Silva Fonseca, gerente comercial de vendas de Belo Horizonte (MG), aproveitou a feira para fazer contatos. "Trabalhamos com comunicação visual e sublimação. Vim buscar clientes e oferecer nosso trabalho. Vi um pessoal próprio deste segmento. Era o que a gente procurava. Trocamos cartões e contatos, foi excelente".

Otávio Aguiar, São Paulo (SP), é diretor no ramo gráfico. "É a primeira vez que visito a feira. Foi interessante, pois há uma gama enorme em tipos de serviços e produtos, como maquinário e suprimentos. Abre um leque para quem trabalha no ramo".

Mariano Vasquez é empresário no Chile e veio com seu sócio para realizar investimentos: "Viemos ao Brasil para ampliar nossas possibilidades de negócios. Queremos um equipamento de impressão digital para rodar juntamente com nossas máquinas offset e oferecer algo mais para os clientes".

Luis Ortiz Montero reside no Peru e voltou ao Brasil para concretizar seus planos: "Vim no ano passado na ExpoPrint 2014 e desde então estudei qual seria opção para a minha empresa. Agora será o momento de investir no equipamento escolhido".

Outro visitante sulamericano foi Matias Hurtado, do Uruguai: "Estou sempre visitando as feiras para conhecer as tendências de impressão. E o que eu vi aqui na FESPA Brasil me impressionou bastante. Me interessei muito por impressão digital têxtil".

Imagens e redes sociais

A ExpoPrint Digital e a FESPA Brasil seguem divulgando as novidades dos mercados de impressão digital e comunicação visual em seus canais na internet. Acesse os sites expoprintdigital.com.br e fespabrasil.com.br, curta as páginas facebook.com/expoprintdigital e facebook.com/fespabrasil e siga no Twitter: @expoprintdigi e @FespaBrasil.
 
As fotos em alta da FESPA Brasil / ExpoPrint Digital estão nos links:
 
www.fespabrasil.com.br/pt/imprensa/fotos
www.expoprintdigital.com.br/pt/imprensa/fotos














































Todos os direitos reservados a Press Communications.